Skip to content

Conselho vai investir R$ 2 milhões em modernização

março 29, 2012

Na sessão ordinária do Conselho Estadual de Educação de São Paulo (CEE-SP) do dia 21 de março, o assunto que se destacou foi a futura informatização do órgão. Nesta semana, a Fundação do Desenvolvimento Administrativo (Fundap) se reunirá com funcionários do Conselho para começar um estudo de implantação de um sistema eletrônico no CEE.

“Já passa da hora que isso seja encarado como prioridade”, opinou o presidente Hubert Alquéres. O conselheiro Milton Linhares, que defende a modernização dos trabalhos da casa, diz que o Conselho Nacional de Educação já é informatizado: “Meu desejo e votos nesse depoimento é que haja interesse da Secretaria, e do Conselho, em investir para transformar o fluxo de processos de uma vez por todas pela via eletrônica”.

Segundo o presidente, o projeto já tem verba prevista e terá duração de cinco meses. Ao todo, custará R$ 2 milhões, informou. Acrescentou que será um investimento 100% estatal, sem recursos privados.

About these ads
One Comment leave one →
  1. Carlos Henrique Tretel permalink
    abril 1, 2012 12:36 am

    O CNE já é informatizado? Difícil de acreditar nisso, pois nem sequer há uma página sua na internet! Os conselhos em geral são muito similares, anacrônicos mesmo, na forma de interagir conosco, com a sociedade civil. O CNE, por exemplo, tem promovido ou participado de audiências públicas sobre o novo PNE, sem que as tenha disponibilizado pelos modernos meios de informação e comunicação existentes e disponíveis nos dias de hoje. Não disponibiliza também suas reuniões, sejam ordinárias ou extraordinárias. Então que diferença faz para nós que seja ele informatizado ou não? Pode se assim for realmente (informatizado) fazer diferença lá internamente para os seus membros, pois, afinal de contas, não deixa de ser verdade que computadores são muito melhores que máquinas de escrever. Mas podem fazer muito mais do que elas, o que não parece ter entendido ainda o CNE, convenhamos. Espero que o CEE não se espelhe no CEE para sua modernização… Por falar em se espelhar: os membros do CEE são também remunerados como os do CNE? Veio-me esta dúvida. Alguém pode respondê-la?
    De toda forma, se quer se espelhar, que se espelhe o CEE-SP no Conselho de Educação de Toledo, Paraná, onde bem melhor uso fazem dos modernos meios de informação e comunicação. Informação e comunicação: duas funções, portanto. Tanto é assim que lá por Toledo, quando da implantação do ensino fundamental de nove anos, valeram-se de chats e fóruns de discussão para o envolvimento dos profissionais de sua rede de ensino nas discussões havidas à época. Isso sim é moderno. O que vocês acham?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 33 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: