Skip to content

CEE-SP realiza reunião extraordinária para debater métodos de avaliação educacional

dezembro 2, 2013

O Conselho Estadual de Educação de São Paulo (CEE-SP) recebeu o cientista político e doutorando em Análise Quantitativa de Políticas em Educação (Quantitative Policy Analysis in Education) pela Universidade de Harvard Alejandro Ganimian, para uma sessão extraordinária sobre o tema na última quarta-feira, 27/11. O especialista apresentou panorama sobre diferentes métodos de avaliação de programas, reformas ou políticas educativas, centrando sua exposição em avaliações rigorosas.

Segundo Ganimian, avaliações têm como objetivo testar a eficácia das políticas, saber se cumprem com os objetivos com que se pautou, baixar custos, comparar com programas similares e conhecer os efeitos colaterais positivos e negativos das reformas. Para ele, porém, “na América Latina, não fazemos tantas avaliações rigorosas como podíamos fazer”.

Quando se avalia uma política ou uma intervenção educativa, de acordo com Ganimian, é preciso ter clara qual é a questão a ser analisada, para criar um grupo de pessoas que participará do programa – o chamado grupo de tratamento – e um grupo que não será incluído – o grupo de controle. Ao final, serão analisados os desempenhos desses dois grupos.

No entanto, para o especialista, há fatores diversos decisivos para alguns aproveitarem a política educativa e outros não, muitas vezes não percebidos por avaliações. Algumas diferenças entre os grupos de tratamento e de controle são fáceis de medir, mas é impossível medir todos os fatores que impactam no resultado, defendeu.

Ganimian defende que os participantes de um programa educacional sejam escolhidos por sorteio. Após o recrutamento inicial de voluntários, o sorteio separaria os participantes nos dois grupos, controle e tratamento. Para ele, a distribuição de fatores em geral vai ser similar nesses dois grupos, permitindo a comparação.

Ao final, Ganimian propôs cinco questões importantes para se perguntar no início de uma avaliação – por exemplo, quão grande devem ser as mostras? Ou ainda como impedir que as pessoas deixem o programa? – e outras cinco após esse momento – qual o impacto que a avaliação tem, em geral, no aluno, no professor, na escola? Qual o custo-benefício? Quantas pessoas saíram do programa e quem são elas?.

Avaliação em larga escala e de docentes

A conselheira Maria Helena Guimarães comentou que a educação tem se apoiado mais em avaliações de larga escala, que permitem a comparação. “O que observo é que essa metodologia que eu considero a mais rigorosa para avaliar a efetividade de uma política pública é mais usada na saúde e na assistência social do que na educação”, afirmou.

“A tradição em saúde é muita mais ampla e vem de décadas atrás”, disse Ganimian. Ele citou como exemplo os órgãos de regulação de medicamentos, que autorizam quais remédios podem circular no mercado, baseado em avaliações rigorosas realizadas por sorteio. Para ele, a diferença entre a área de saúde e da educação é que nesta última as políticas adotadas não têm controle. Ganimian afirmou ainda que programas de transferência de ingressos são as intervenções sociais mais avaliadas com sorteios na área educacional.

A presidenta Guiomar Namo de Mello questionou como está o debate sobre avaliação de docentes da educação básica na academia. Ganimian informou que o assunto está em pauta, especialmente nos Estados Unidos, que avaliava seus professores principalmente pelo desempenho dos alunos. Posteriormente, mudou-se o método, ao perceber que usar as provas de alunos para avaliação docente não era a melhor opção, sendo mais efetivo combinar com outras ações. “Por isso vemos um debate não só centrado nas provas de alunos, mas em medidas mais holísticas de desempenho docente”, afirmou.

Acesse a apresentação de Alejandro Ganimian aqui.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: