Skip to content

Conselho de Educação de Piracicaba solicita revisão de Plano de Educação

fevereiro 21, 2014

O blog De Olho nos Conselhos publica textos de cidadãos(ãs) que acompanham reuniões dos conselhos de educação de sua cidade ou estado, reservando-se o direito de editar as informações. O conteúdo do relato, de caráter pessoal, não é de responsabilidade do Observatório da Educação. Escreva para observatorio@acaoeducativa.org para participar.

 

Por Carlos Henrique Tretel, de Piracicaba (SP)

Relato da reunião ordinária do Conselho Municipal de Educação de Piracicaba (CME-Piracicaba) do dia 13/02/14.

Na reunião do dia 13 de fevereiro, a presidenta do Conselho Municipal de Educação (CME) de Piracicaba, Sandra Perina, encaminhou para a Secretaria Municipal de Educação, aos cuidados da secretária Ângela Jorge Corrêa, proposta de mobilização para (re)elaboração, aprovação e monitoramento do Plano Municipal de Educação (PME).

A cidade de Piracicaba se debruçou sobre o PME durante o período de 2005 a 2007 e pretende revisá-lo por meio de mobilização chamada pelas conselheiras Dagmar de Paula Queluz e Sandra Perina de Projeto Integrador. Após as conselheiras terem concluído o Curso de Formação de Conselheiros Municipais de Educação da Universidade Federal de São Carlos (Ufscar), elaboraram o projeto de mobilização para o plano do município. (Leia ao final do texto o Plano disponibilizado pelas conselheiras)

Monitoramento de obras

Também nesta reunião, o plenário elegeu a conselheira Madalena para representar o CME-Piracicaba na comissão para monitorar as obras em curso nas escolas, tendo por referências o memorial descritivo e o projeto existente para cada uma delas em especial.

 

Veja o relato completo enviado por Carlos Henrique Tretel.

Leia o Projeto Integrador disponibilizado pelas conselheiras Dagmar de Paula Queluz e Sandra Perina.

 

 

Anúncios
3 Comentários leave one →
  1. Carlos Henrique Tretel permalink
    março 23, 2014 12:43 am

    Aviso aos navegantes: as notícias publicadas na página do CME-Piracicaba no Portal dos Conselhos (que se encontra hospedado no site da Prefeitura de Piracicaba, http://www.piracicaba.sp.gov.br, com acesso pelo menu localizado à esquerda de sua página inicial) já aceita comentários. A conselheira Renata Fedrigo, ao que parece, dominou a arte de moderar a página. Assim sendo, aos que acreditam que a melhor maneira de participar é participando, esse interessantíssimo, ousado mesmo, espaço de interação se encontra à nossa disposição. Utilizê-mo-lo, http://conselhos.piracicaba.sp.gov.br/cme/2014/02/17/projeto-integrador-do-conselho/, pois.
    Reproduzo a seguir o comentário que fiz na referida página, recentemente liberado pela Renata, a quem reitero meus agradecimentos.
    1. Carlos Henrique Tretel 13 de março de 2014 at 5:13 | Link permanente | Comente
    Parabéns, Renata, por ter conseguido publicar o Projeto Integrador aqui no Portal dos Conselhos, sinal de que quem persiste sempre alcança. Sei de sua incansável luta por publicar aqui no Portal documentos de interesse público e espero que agora, mais do que nunca, você persista. Afinal de contas, está previsto no Projeto Integrador que “o PME deverá ter divulgação ampla nos meios de comunicação virtual” (4) e não há, na minha opinião, espaço virtual mais adequado do que o Portal dos Conselhos para divulgar as ações que se fizerem necessárias não somente para dar suporte à elaboração e à aprovação do PME, qualificando as discussões, mas, sobretudo, seu posterior monitoramento, até porque do monitoramento futuro, desde que regular e sistematizado, é que surgirão os ajustes necessários para que as metas projetadas sejam alcançadas, quiçá superadas. Superação, aliás, é o que bem define seu trabalho, Renata. Insuperável, melhor dizendo. Encontrar-nos-emos hoje à noite na reunião ordinária do CME-Piracicaba. Até já. Um abraço e, novamente, parabéns. Carlos Henrique Tretel, correspondente voluntário em Piracicaba do De Olho nos Conselhos de Educação, http://www.deolhonosconselhos.wordpress.com.
    – See more at: http://conselhos.piracicaba.sp.gov.br/cme/2014/02/17/projeto-integrador-do-conselho/#sthash.Z2j4PQLP.dpuf

  2. março 24, 2014 5:40 pm

    Se fôssemos olhar a Educação de uma forma sistêmica , poderíamos notar que é a base da constituição de um ecossistema científico-tecnológico municipal que ainda está por ser construído em Piracicaba.

    Quero lembrá-los que temos o Conselho Municipal de Ciência e Tecnologia que atua desde 1999 e que sempre está à disposição da sociedade civil organizada para participar de eventos que interessam à educação , ciência , tecnologia e inovação.

  3. Carlos Henrique Tretel permalink
    março 26, 2014 12:22 am

    Olá, Carlos Roberto Rodrigues. Pertencendo ao Conselho Municipal de Ciência e Tecnologia talvez você possa satisfazer uma curiosidade que tenho: sugeri há algum tempo atrás aos conselheiros de educação de Piracicaba que inventariassem os endereços eletrônicos de todas(os) as(os) professoras(es) do sistema de ensino local para com elas(es) iniciar (e com o tempo fomentar, uma vez que processo, bem sabemos, de mão dupla) interação, condição necessária a meu ver para a constituição do ecossistema a que você se refere. As modernas tecnologias da informação e comunicação à disposição da Secretaria Municipal de Educação (onde se encontra instalado o CME-Piracicaba) permitiriam, no entanto, que eventuais boletins informativos do CME-Piracicaba fossem enviados a todas(os) as(os) professoras(es), diretoras(es) e demais servidoras(es) das unidades escolares?
    Em decorrência do encontro do Programa Nacional de Fortalecimento dos Conselhos Escolares realizado no último dia 13 no anfiteatro da Secretaria Municipal de Educação, em que se fizeram presentes as(os) diretoras(es) e as(os) presidentas(es) das unidades escolares da cidade, lembrei-me, uma vez que presente ao encontro eu também, dessa sugestão que outrora fiz aos conselheiros, pois a harmonia do trabalho proposto aos conselhos escolares depende em boa medida da interação desses com o CME-Piracicaba, até porque em breve, salvo novos tropeços, haveremos de ter um plano municipal de educação a nos demandar monitoramento, o que exigirá (desde que o queiramos de fato) interação de todos o tempo todo.
    Pergunto-lhe, então: as modernas tecnologias da informação e da comunicação à disposição hoje satisfazem essa necessidade que em breve haveremos (oxalá) de ter, de interação. Se agora, nos dias de hoje, o CME-Piracicaba quiser enviar um boletim informativo a, digamos (e só a título de exercício de imaginação) 2.000 pessoas, isso seria possível de ser feito de maneira fácil e sem grandes recursos, financeiro e de pessoal?
    Grato antecipadamente por eventuais colaborações, Carlos Roberto. Prazer em conhecê-lo. De seu xará, Carlos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: